Notícia - MORUNGABA VOLTA À NORMALIDADE, APÓS ATAQUE A 2 BANCOS

O atendimento da população da Estância Climática de Morungaba foi normal segunda-feira, 3, dois dias depois de um ataque de grupos que explodiram e assaltaram caixas do Banco do Brasil e do posto de atendimento existente na Prefeitura, que também derrubou parede que o separava da Diretoria Municipal  de Obras e Serviços.

Já no dia do assalto – madrugada de sábado, 1º - a administração municipal providenciou a limpeza das áreas atingidas, fez consertos de emergência e instalou tapumes em portas quebradas.

“Agimos rapidamente até para tranquilizar a população, muito assustada com a ação, em troca de tiros e explosões durante aproximadamente 15 minutos, de acordo com a Polícia Militar”, afirma o prefeito Marquinho de Oliveira, que pediu, em março, o aumento do efetivo de policiais militares, de 9 para 11.

A Polícia, de posse de imagens de monitoramento da Prefeitura, investiga o caso. Sabe-se que, por meio de duas câmaras, foi possível colher informações relevantes sobre o ataque realizado na madrugada de sábado.

A agência central do Bradesco, que não foi alvo do assalto, funciona normalmente, enquanto a do Banco do Brasil, muito danificada, até o telhado, permanece fechada. A Diretoria de Obras de Morungaba, vizinha ao posto bancário atacado, diante dos danos causados em suas instalações, poderá ocupar outras salas com espaço disponível na Prefeitura.

O cidadãos interessados em pagar o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), cobrado apenas via Bradesco, podem fazê-lo no caixa eletrônico da agência ou nos correspondentes bancários existentes na estância. Para outras operações,  há opções da Caixa Econômica Federal, casa lotérica e Correios.

O ASSALTO

Um grupo explodiu um caixa eletrônico em Morungaba (SP) na madrugada de sábado (1). De acordo com a Polícia Militar, houve troca de tiros, mas ninguém ficou ferido, reporta o G1. As ações aconteceram simultaneamente. Os suspeitos conseguiram fugir. Bananas de dinamite foram deixadas na Prefeitura e o Grupo de Ações Táticas Especiais (Gate) foi acionado para desativá-las. 

O barulho das explosões do caixa e do cofre assustou a população. A agência bancária que fica no Centro ficou completamente destruída. As balas perfuraram postes de luz e vitrines de loja. A troca de tiros durou 15 minutos, de acordo com a PM. Foram pelo menos sete explosões - cinco no banco e duas no terminal da Prefeitura - e os projéteis de fuzis ficaram espalhados pela rua.

CLIQUE NO LINK E VEJA REPORTAGENS DA EPTV.

SEGUNDA-FEIRA, 3 DE ABRIL DE 2017.

http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/prefeitura-de-morungaba-garante-atendimento-mesmo-apos-explosao-em-caixa-eletronico-e-predio-danificado.ghtml


SÁBADO, 1º DE ABRIL DE 2017.

http://g1.globo.com/sp/campinas-regiao/noticia/grupo-troca-tiros-com-a-policia-e-explode-2-caixas-eletronicos-em-morungaba-um-fica-na-prefeitura.ghtml